Cotidiano das mulheres afrodescendentes sob ponto de vista feminino e negro é tema de encontro nesta quarta (7)

Nesta quarta (7), às 18hs, no auditório do Sindicato dos Servidores do Ministério Público de PE (Sindsemp/PE), em Santo Amaro, tem sessão do clube de leitura que fará uma abordagem em torno do livro Ponciá Vicêncio, da poeta Conceição Evaristo, tida como uma das principais expoentes da literatura brasileira e afro-brasileira da atualidade. O encontro é aberto ao público e integra as atividades da 16ª Semana da Mulher da Universidade Católica de Pernambuco (Unicap) que tem apoio do Sindsemp/PE. O Sindicato fica na av. Visconde de Suassuna, nº 114, em Santo Amaro.

A discussão em torno da obra de Evaristo será comandada pela educadora e escritora Haidée Camelo Fonseca, que é professora da Universidade Católica de Pernambuco (Unicap) e doutoranda em semiótica das culturas. No romance, são descritos os caminhos, as andanças, marcas, sonhos e desencantos da trajetória da protagonista desde a infância até a idade adulta, numa espécie de análise de seus afetos e desafetos e de seu envolvimento com a família e os amigos. O livro debate a questão da identidade de Ponciá, centrada na herança identitária do avô e estabelece um diálogo entre o passado e o presente, entre a lembrança e a vivência, entre o real e o imaginado.

A obra é o primeiro romance de Conceição Evaristo

A escritora negra de projeção internacional tem livros traduzidos em outros idiomas e é conhecida por trazer em sua literatura profundas reflexões acerca das questões de raça e de gênero com o objetivo claro de revelar a desigualdade velada em nossa sociedade, de recuperar uma memória sofrida da população afro-brasileira em toda sua riqueza e sua potencialidade de ação. É uma mulher que tem cuidado de abrir espaços para outras mulheres negras se apresentarem no mundo da literatura.

Haidée Camelo é professora da Universidade Católica de Pernambuco e integra o Conselho Editorial da Companhia Editora de Pernambuco (Cepe)

A narrativa de Ponciá Vicêncio é feita em flashbacks, descreve a infância da menina na vila junto da mãe e do artesanato com o barro que elas fazem. Narrado em terceira pessoa, o romance leva ao íntimo dos personagens, fazendo com que o leitor conheça a felicidade da menina Ponciá, que brincava de passar por debaixo do arco-íris com medo de mudar de sexo, segundo uma crendice popular.

Conceição Evaristo tem projeção internacional e é uma das principais expoentes da literatura brasileira e afro-brasileira atualmente

Para os interessados em participar do debate, o livro Ponciá Vicêncio está disponível na biblioteca do Sindsemp/PE. Como o arquivo em pdf da publicação não está disponível online, a sugestão é a leitura do livro Olhos D´agua, da mesma autora, sendo uma forma de os leitores se apropriarem dos conteúdos debatidos por ela e também de ter acesso às formas de expressões linguísticas utilizadas. Vale salientar ainda que, ao final do encontro, o público poderá participar do sorteio de um livro “Ponciá Vicêncio”.

 

SERVIÇO:

 ENCONTRO DO CLUBE DE LEITURA

Livro: Ponciá Vicêncio de Conceição Evaristo

Exposição: Prof. Haidée Camelo (Unicap)

Quando: 7 de março (quarta-feira)

Horário: 18hs

Local: auditório do Sindicato dos Servidores do Ministério Público de Pernambuco, na av. Visconde de Suassuna, nº 114, em Santo Amaro.

Compartilhar: