Sindicato participa do V Encontro Nacional do MP

Na última quarta (2), à noite, no Salão Nobre da Faculdade de Direito da Universidade Federal de PE, na Boa Vista, foi aberto o V Encontro Nacional Ministério Público cujo tema é o Pensamento Crítico e Práticas Transformadoras. A conferência principal foi capitaneada pelo professor Plínio de Arruda Sampaio Junior, que fez um resgate da formação social do país e das sucessivas interrupções na construção de seu projeto de nação para atender a interesses externos, o que deu origem a um país capitalista de economia periférica, particularmente bárbaro com seus cidadãos.

Abertura aconteceu no Salão Nobre da Faculdade de Direito da UFPE

O discurso do professor passou por Caio Prado Jr, Florestan Fernandes e Celso Furtado, e explicou como ao longo da história o país se organizou não para resolver seus problemas internos, mas sim para atender às necessidades do capital internacional. Destacou como em sua história recente, o Brasil teve que conviver com a contradição de uma ter Constituição que prometia a todo seu povo uma Suécia, mas que na prática entregava a grande parcela da população um Haiti. Fazendo uma explanação bem didática da história recente do Brasil. Na ocasião, também foi feita uma homenagem ao promotor de justiça, Marcelo Goulart, conhecido por ser um progressista na sua atuação profissional, fazendo um MP mais justo, pé no chão, e que trabalhou em defesa dos anseios e necessidades da população.

A diretoria do Sindicato dos Servidores do Ministério Público de Pernambuco (Sindsemp/PE) está participando do evento que se encerra hoje às 16h30 no auditório do Banco Central, na Rua da Aurora, 1259.

Diretoria do Sindsemp/PE esteve presente na abertura
Compartilhar: