O momento é de celebração para além do Natal: nosso presente é a vitória coletiva no FUNAFIN


icone facebook icone twitter icone whatsapp icone email



O momento é de celebração para além do natal: nosso presente é a vitória coletiva no FUNAFIN! Hoje valorizamos a dedicação de tantos profissionais que fizeram e fazem parte da história do Sindicato dos Servidores do Ministério Público de Pernambuco.

É com a sensação de dever cumprido que o sindicato iniciou ontem, 23 de dezembro de 2020, a entrega dos alvarás para o recebimento dos valores que cada um tem a receber no processo do FUNAFIN. Para marcar este feito, fazemos questão de mencionar os nomes de cada presidente e presidenta que deixaram sua marca no Sindsemppe, investindo seu tempo nos direitos da categoria: Alexandre Frazão, Samuel Filho, Francisco Bonifácio, Léia dos Santos, Décio Padilha, Raíssa Bezerra, Paulo César, Fernando Ribamar e Ronaldo Sampaio, deixando o registro de um pequeno depoimento de cada um que aceitou falar sobre este importante processo judicial.

 

• Depoimento de Samuel Filho:

“Ao assumir a presidência do SINDSEMPPE, soube das ilegalidades em torno do FUNAFIN a partir da colega filiada e atuante Maria do Socorro, que hoje atua no Tribunal de Contas de Pernambuco. Com o auxílio do advogado Bernardo, que já fazia parte da Assessoria Jurídica do sindicato, buscamos mais informações e demos início à saga judicial entrando com a Ação do FUNAFIN no início dos anos 2000.

Nesse ínterim de quase vinte anos, outros sindicatos acionaram a justiça querendo o ressarcimento do FUNAFIN. Nós fomos os primeiros a ganhar na justiça a causa, mas não fomos os primeiros a receber o ressarcimento. Por isso, houve muitas vozes de desesperança, de desconfiança, de desestímulos, mas continuamos firmes e fortes! “Quem acredita sempre alcança!”. O que se lamenta é não poder comemorar com a categoria. Apesar disso - Parabéns”.

 

• Depoimento Décio Padilha

“Durante sua história de tantas lutas em defesa dos direitos e democráticos, o processo do FUNAFIN e a reivindicação através de uma ação judicial foi uma das primeiras na história de luta sindical da categoria. Estive sempre cobrando relatórios a respeito das ações movidas pelo sindicato para seguir informado do andamento dos processos, atuando pela suspensão do desconto indevido imposto pelo Supremo. Hoje celebramos um benefício para toda a categoria”.

 

• Depoimento Paulo César

“Com os alvarás liberados encerra-se uma luta que perpassou por várias gestões do nosso SINDSEMPPE. Enfim, a justiça foi feita e os beneficiários terão os valores repostos. Foram 17 anos de muito diálogo e paciência, entre idas e vindas, cálculos e recálculos, as gestões que estiveram à frente do SINDSEMPPE mantiveram os filiados informados acerca das etapas cumpridas.

Parabéns a todos, nomeadamente à diretoria colaborativa da qual fui agraciado na gestão à época, e que direta ou indiretamente mostrou empenho à causa, sabíamos que seria uma longa caminhada, mas tínhamos foco. O Sindicato dos Servidores do Ministério Público de Pernambuco, como única entidade defensora dos interesses dos servidores do MPPE, não descansará do seu dever de zelar pelos direitos da categoria e resguardar suas conquistas”.

 

• Depoimento Fernando Ribamar

“Penso que a conclusão desse processo é a coroação da paciência e da persistência responsável do Sindsemppe. Quase 20 anos depois de ingressarmos com a ação para coibir descontos ilegais nos nossos vencimentos e reaver os valores descontados ilegalmente, estamos prestes a materializar esse direito.

O Sindsemppe não se deixou influenciar pelos percalços e se manteve firme na condução do processo, buscando garantir o direito, da melhor forma possível, aos mais de 200 beneficiados e beneficiadas pela ação. Esse final de 2020 ganha um simbólico resultado, que premia a responsabilidade, a paciência e a perseverança. Que nos sirva de lição”.

 

• Depoimento Ronaldo Sampaio

“A Gestão Unidade para Avançar teve como uma das suas bandeiras a priorização da solução deste processo judicial. Conseguimos êxito, apesar da pandemia, com a suspensão de prazos processuais por longos e angustiantes meses e das dificuldade inerentes a um processo tão antigo.

Informamos a categoria constantemente, enfrentamos vários riscos, dedicamos grande energia e disposição para conseguir a sua conclusão exitosa. Dialogamos com todos os servidores e servidoras que contribuíram neste processo, oferecendo suporte às nossas ações e cobrando novas posturas do sindicato e trabalhando em conjunto conosco, mesmo sem fazer parte da diretoria executiva, homenageamos a colega Sofia Simões em nome de todos esses. A vitória foi nossa, coletiva, do sindicato e da categoria”.

Informamos que os alvarás continuarão a ser entregues aos servidores e servidoras, a partir do dia 04 de janeiro de 2021 até o dia 28 de fevereiro de 2021 conforme agendamento de atendimento através do número (81) 3424-1156 na sede do Sindsemppe, localizada na Rua do Sossego, 253, 1º andar, Boa Vista. Seguimos prezando pela saúde dos nossos colaboradores em virtude da pandemia de Covid-19, obedecendo aos protocolos de segurança sanitária com distanciamento social, uso de máscara, aferição de temperatura e disponibilização de álcool em gel.

O Sindsemppe reitera sua satisfação em conquistar, através da união e atenção constante, mais um avanço para a categoria. Isto comprova a competência e valor do sindicato, assim como a importância da filiação dos nossos colegas para que estejamos sempre fortes. Sigamos juntos na luta e olhando para 2021 com esperança e confiantes nos resultados de nosso trabalho.

#SindsemppeEmAcao

#FUNAFIN

« Voltar