Sindsemppe se une ao Brasil pelo Fora Bolsonaro


icone facebook icone twitter icone whatsapp icone email


O Sindsemppe participou no último sábado (02) da mobilização nacional pelo #ForaBolsonaro e contra a PEC 32, da Reforma Administrativa que, se aprovada, irá acabar com serviço público no Brasil. O ato teve início na Praça do Derby e seguiu pela Avenida Conde da Boa Vista até a Ponte Duarte Coelho.

O texto da PEC 32 permite a terceirização e “voucherização” de serviços públicos, como saúde e educação; ou seja, autoriza a privatização! A população vai pagar para ter um serviço que hoje é público e gratuito. "Servidores/as do MPPE, estamos aqui na rua pressionando contra a PEC 32, da rachadinha, que vai destruir o serviço público profissional brasileiro conforme conhecemos desde a Constituição de 88. É importante que todos/as estejam no atos e mobilizações pressionando os deputados”, enfatizou o presidente do Sindsemppe, Ronaldo Sampaio.

A proposta de Reforma Administrativa do governo Bolsonaro promove a terceirização de serviços públicos, facilita a demissão e ameaça a aposentadoria dos servidores. O recado do povo é: parlamentar que aprovar essa PEC não se elege mais.Segundo Ronaldo “há possibilidade de votação da PEC 32 a partir do dia 12 de outubro”.

A Reforma Administrativa não reduz a despesa pública, não diminui impostos nem taxas públicas, ela apenas facilita a vida de políticos corruptos. A Reforma Administrativa desmonta os serviços públicos e acaba com a estabilidade do trabalhador. A estabilidade é inegociável. Trata-se de uma proteção para o Estado e consequentemente para o povo. O período de experiência só existe também para beneficiar e facilitar investidas criminosas de políticos corruptos.

« Voltar